24 set 2019

A vacina Pentavalente que protege contra Hepatite B, Haemophilus, Difteria, Tétano e Coqueluche está em falta nos postos de saúde.

O desabastecimento aconteceu após a vacina, que é importada, não passar em testes de qualidade realizados pela ANVISA. A previsão é que o abastecimento voltará à normalidade a partir de novembro.

Existem 2 vacinas denominadas Pentavalente no mercado. A Penta Brasil, disponível no Serviço Público e a Pentavalente acelular, disponível no Serviço Privado.

A diferença entre as vacinas Pentavalente

Existem algumas diferenças entre a Penta Brasil e Pentavalente acelular.

1 – Componente Hepatite B que está presente na vacina Penta Brasil, oferecida no serviço público, mas não é encontrado na vacina do serviço privado;

2 – O componente IPV, está presente na vacina do serviço privado e não está na composição da vacina no serviço publico;

3 – Presença do componente pertussis que é de células inteiras no serviço público e acelular nas clínicas privadas, o que leva a quarta diferença que é a reatogenicidade.

A vacina de células inteiras costuma apresentar mais reações, principalmente febre e dor local. Vale lembrar que as duas vacinas são eficazes e seguras.

Recomendações:

  1. Se possível vacinar a criança no serviço privado com a Pentavalente acelular, Pneumocócica 13V e Rotavírus 5V;

 

  1. Lembre-se que as vacinas indicadas no calendário de vacinação aos 2, 4 e 6 meses são inativadas e não é necessário realizar um intervalo entre elas;

 

  1. Em casos de reação local tratar com compressa fria;

 

  1. Não é indicado fazer medicação profilática.

 

Referência: https://familia.sbim.org.br/vacinas/vacinas-disponiveis/vacina-triplice-bacteriana-de-celulas-inteiras-dtpw

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail